Minas Gerais

Minas ganha mais agilidade no transporte de pacientes e vacinas

Publicados

em


O Governo de Minas Gerais adquiriu duas aeronaves para atendimento dedicado às demandas operacionais da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) e do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG), como os transportes pré e inter-hospitalar de pacientes, transporte de órgãos e tecidos humanos para transplantes e distribuição de insumos de saúde, como vacinas.

Com investimento de 7,5 milhões de dólares, os dois aviões Cessna, modelo Grand Caravan C208 EX, são equipados com kit aeromédico e, portanto, podem ser qualificados como uma UTI aérea.

“Este é um importante reforço para o Estado e que vai ajudar muito a saúde pública. Este avião é muito moderno, um dos poucos do Brasil com essa tecnologia avançada, com capacidade de transporte de até dois pacientes deitados, assistidos por médico e enfermeiro, ou de até dez passageiros a bordo”, destaca o secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti.

Leia Também:  Denúncias de violações de direitos em Minas podem ser feitas pela Delegacia Virtual

​Os aviões também serão utilizados em ações de proteção e defesa civil realizadas por CBMMG e SES-MG, dando suporte à Força Estadual de Saúde, conforme explica a major do CBMMG, Karla Lessa Leal. “A compra dessas aeronaves teve cada detalhe pensado e especificado tecnicamente por especialistas da área. Do ponto de vista operacional, eles serão fundamentais nas operações de combate a epidemias, catástrofes e eventos graves”, afirma.

Estreia

O transporte aéreo tem contribuído com a agilidade e segurança sanitária na maior operação de vacinação da história de Minas Gerais, no enfrentamento à pandemia. Nessa quinta-feira (29/7), a aeronave Arcanjo 09, em sua primeira missão, transportou parte das doses de vacinas contra covid-19  e influenza para Unidades Regionais de Saúde (URSs) do estado. O voo foi operado pelo CBMMG e, os imunizantes, distribuídos para Patos de Minas, Unaí e Teófilo Otoni. 

Legado

Como estado brasileiro com o maior número de municípios, Minas Gerais apresenta o desafio de atender às necessidades de cada cidade. E, para isso, o Governo do Estado tem investido em ações e aquisições estratégicas que atenderão tanto às demandas urgentes relacionadas à pandemia, quanto àquelas que fazem parte da rotina dos serviços de saúde.

Leia Também:  Minas Gerais ganha nova rota aérea no transporte de cargas

As aeronaves atenderão o Suporte Aéreo Avanço de Vida (SAAV-MG). O projeto, que compõe a rede de urgência e emergência, foi criado em 2012, por meio de parceria envolvendo a SES-MG, o CBMMG e Serviços de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), visando à oferta de atendimento aeromédico com redução do tempo resposta, além de mais eficiência e qualidade dos serviços prestados aos mineiros.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Minas Gerais

Minas distribui mais de 633 mil doses de vacinas contra a covid-19

Publicados

em


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) iniciou, neste sábado (25/9), o repasse de 633.030 doses de imunizantes contra a covid-19 às Unidades Regionais de Saúde (URSs). São 544.050 doses da Pfizer e 88.980 da AstraZeneca. Esta remessa faz parte do 53º lote de vacinas contra a covid-19.
 

A tabela com as doses que serão distribuídas por municípios será divulgada em breve pela SES-MG.

As doses do imunizante da Pfizer são destinadas para o reforço da vacinação de pessoas imunossuprimidas, que tenham 28 dias de aplicação da segunda dose, e idosos de 79 a 75 anos de idade, que tenham 6 meses da aplicação da D2.

As doses serão destinadas, ainda, para completar o esquema de vacinação (D2) de pessoas de 50 a 54 anos de idade, de trabalhadores industriais e de caminhoneiros. Além disso, a Pfizer também será utilizada para iniciar a vacinação (D1) de adolescentes de acordo com os critérios de prioridade.

A vacina da AstraZeneca deverá ser aplicada como D2 nos grupos de trabalhadores da indústria, trabalhadores da saúde, trabalhadores de transporte coletivo, caminhoneiros, pessoas de 55 a 59 anos e pessoas de 50 a 54 anos.

Leia Também:  Previsão do tempo para Minas Gerais nesta quarta-feira, 14 de outubro

Até essa sexta-feira (24/9), o Governo de Minas repassou aos municípios 24.945.029 doses de imunizantes contra a covid-19. O percentual de cobertura vacinal com a primeira dose já ultrapassou 88,8% da população acima de 18 anos e a segunda dose já alcança 48%.

Tendo em vista o objetivo principal da vacinação, de reduzir casos graves e óbitos pela doença, é fundamental alcançar altas e homogêneas coberturas vacinais. Para tanto, a SES-MG mantém todos os esforços para agilizar a distribuição das doses às Regionais de Saúde e garantir que a vacina seja aplicada em todo o público-alvo.

Logística

Receberá vacinas por aeronaves do CBMMG a seguinte URS:

-SRS Governador Valadares

Retirarão as vacinas na Rede de Frio da URS polo, ou receberão em sua própria Rede de Frio por meio do transporte de outra URS, as seguintes URSs:

–      GRS Ituiutaba (pegar com SRS Uberlândia)
–      GRS Januária (pegar com SRS Montes Claros)
–      SRS Juiz de Fora (pegar com GRS Leopoldina)
–      SRS Manhuaçu (pegar com SRS Ponte Nova)
–      SRS Passos (pegar com SRS Alfenas)
–      SRS Pouso Alegre ( pegar com SRS Varginha)
–      SRS Teófilo Otoni (pegar com GRS Pedra Azul)
–      GRS Ubá (pegar com GRS Leopoldina)
–      SRS Uberaba (pegar com SRS Uberlândia)
 

Leia Também:  Minas Gerais é o estado do Brasil que mais cresce no turismo

Retirarão as vacinas na Central Estadual de Rede de Frio, as seguintes URSs:

– SRS Belo Horizonte
– SRS Montes Claros
– GRS Itabira
– GRS São João del-Rei
– SRS Alfenas
– SRS Barbacena
– SRS Diamantina
– GRS Leopoldina
– SRS Patos de Minas
– GRS Pirapora
– SRS Ponte Nova
– SRS Varginha
– SRS Cel. Fabriciano
– SRS Divinópolis
– GRS Pedra Azul
– SRS Uberlândia
– GRS Unaí

Quantitativo

Acesse vacinaminas.mg.gov.br/ e acompanhe o quantitativo de doses recebidas pelo estado a cada remessa e as principais informações sobre a vacinação contra a covid-19 em Minas Gerais.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ALPINÓPOLIS E REGIÃO

MINAS GERAIS

POLÍCIA

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA