Minas Gerais

Nova sede regional do IEF em Lafaiete amplia capacidade de restauração e preservação ambiental

Publicados

em


Governo de Minas inaugurou, nesta semana, a nova sede administrativa do Núcleo de Apoio Regional (NAR) do Instituto Estadual de Florestas (IEF) em Conselheiro Lafaiete, na região Central. Durante o evento, foi apresentada a nova estrutura do Viveiro Florestal mantido pelo Estado no município, que, após reforma e revitalização, passa a contar com capacidade anual de produção superior a 600 mil mudas.

A secretária de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Marília Melo, ressalta a importância de uma gestão ambiental próxima dos cidadãos mineiros. “Toda vez que temos a oportunidade de criar estruturas capazes de diminuir a distância entre o Governo e a população, obviamente, respeitando a viabilidade financeira e econômica do orçamento público, será um caminho que pretendemos trilhar”, frisa.

A diretora-geral do IEF, Maria Amélia Mattos, destaca a relevância das ações locais para a reversão dos impactos globais relacionados ao meio ambiente. “Temos que fazer pequeno e pensar grande. Com a reestruturação deste viveiro, poderemos restaurar florestas, além de proteger nascentes e Áreas de Preservação Permanente na região, contribuindo para reverter este quadro crítico que estamos vivendo em todo o planeta”, diz.

Estrutura

O NAR Conselheiro Lafaiete integra a estrutura administrativa da Unidade Regional de Florestas e Biodiversidade (URFBio) Centro-Sul, com sede em Barbacena, e responde por 20 municípios localizados em seu entorno. O novo espaço terá capacidade de atendimento anual de aproximadamente 1.200 processos relacionados à gestão florestal em sua área de abrangência.

Leia Também:  Previsão do tempo para Minas Gerais nesta sexta-feira, 17 de setembro

As principais demandas atendidas na região estão ligadas a intervenção com supressão de vegetação, formalização de processos relacionados a florestas plantadas, pedidos de queima controlada, orientação para realocação e demarcação de reservas florestais e recuperação de áreas degradadas.

A construção da nova sede regional em Lafaiete e a revitalização do Viveiro Florestal do município foram possíveis por compensação ambiental formalizada por meio de Termo de Cooperação Técnica (TCT) firmado entre a URFBio Centro-Sul e a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), que atua na região.

Reserva hídrica

A URFBio Centro-Sul mantém em seu território de abrangência importantes nascentes do estado, entre elas a do Rio das Velhas, em Ouro Preto, e a do Rio Paraopeba, em Cristiano Otoni, principais afluentes da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco. 

Outra relevante bacia com nascentes na região é a do Rio Doce, com o Rio Carmo, também em Ouro Preto, e o Rio Piranga, em Ressaquinha. O Rio Xopotó, principal afluente do Piranga, também nasce no local.  

Um dos mais importantes afluentes no abastecimento da Zona da Mata, o Rio Paraibuna, nasce a 13 quilômetros de Barbacena, assim como o Rio Pomba, principal afluente deste curso d’água. “Se Minas Gerais tem o título de caixa d’água do Brasil, com certeza essa região composta por parte das serras da Mantiqueira e do Espinhaço, compreendendo Campo das Vertentes, Alto Paraopeba e Alto Velhas, é um dos grandes responsáveis”, destaca o supervisor regional da URFBio Centro-Sul, Ricardo Ayres.

Leia Também:  Rede Fhemig abre vagas para capital e Sul de Minas

Cerimônia

A inauguração do NAR ocorreu na última quarta-feira (22/9), com presença do prefeito de Conselheiro Lafaiete, Mário Dutra, do deputado estadual Noraldino Júnior, entre outras autoridades da região. “As parcerias são extremamente importantes para o avanço e para o fortalecimento das instituições. Muito nos orgulha esta sede do IEF para o atendimento de nossa população e também das cidades vizinhas”, afirma o chefe do Executivo municipal.

O gerente-geral de Sustentabilidade da CSN Mineração, Eduardo Sanches, lembra, ainda, que a atuação conjunta entre setor produtivo e poder público na construção de soluções sustentáveis para o desenvolvimento econômico é essencial.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Minas Gerais

Mais de 50 postos de combustível são fiscalizados pela Polícia Civil na capital

Publicados

em


PCMG / Divulgação

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), atenta ao contexto de aumento do preço de combustíveis veiculares em decorrência da greve de caminhoneiros, recém-finalizada nessa sexta-feira (22/10), realizou operação em Belo Horizonte e Região Metropolitana para fiscalização de postos fornecedores. Foram 50 postos visitados pelos policiais civis.

A ação policial foi organizada a partir de denúncias de consumidores reunidas desde 21/10 pela Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor (Decon), com relatos de preços abusivos cobrados por postos da capital e outras irregularidades, como ações de reserva e estocagem ilegal.

“A partir dos levantamentos, organizamos um roteiro para fiscalizações com quatro equipes do departamento, totalizando 50 policiais civis empenhados em ações operacionais e de inteligência”, explica o chefe do Departamento Estadual de Investigação de Fraudes, delegado Júlio Wilke.

Dois dos estabelecimentos fiscalizados em BH, localizados nas regiões Centro-Sul e Barreiro, apresentaram indícios de preços abusivos e serão investigados pela Decon. Um dos postos, inclusive, voltou o preço indicado no painel obrigatório com a chegada da polícia, com redução significativa de 30 centavos no litro do etanol e de 20 centavos no de gasolina.

Leia Também:  Zema participa das gravações do programa "Se Liga na Educação"

A titular da Decon, delegada Danúbia Quadros, informa que a PCMG continua atenta a novas denúncias que possam surgir nos próximos dias.

“Os responsáveis pelos postos que estamos investigando, se constatadas irregularidades, podem responder por crimes contra as relações de consumo, previstos na Lei 8137/90”, conclui.

As denúncias podem ser encaminhadas à polícia por meio do Disque Denúncia Unificado 181 ou 197. O sigilo é garantido.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ALPINÓPOLIS E REGIÃO

MINAS GERAIS

POLÍCIA

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA