conecte-se conosco


Geral

DEPUTADO FEDERAL EMIDINHO MADEIRA FAZ BALANÇO POSITIVO DO SEU PRIMEIRO ANO DE MANDATO

Em apenas dez meses na Câmara dos Deputados, mostrou-se um parlamentar atuante e com trabalho voltado à população. Eleito com 103.533 mil votos no Sul e Sudoeste de Minas, o deputado federal Emidinho Madeira, mantém um estilo diferenciado no decorrer do seu primeiro mandato na Câmara dos Deputados. Destaca-se por sua luta em prol do […]

Publicados

em

Em apenas dez meses na Câmara dos Deputados, mostrou-se um parlamentar atuante e com trabalho voltado à população.

Eleito com 103.533 mil votos no Sul e Sudoeste de Minas, o deputado federal Emidinho Madeira, mantém um estilo diferenciado no decorrer do seu primeiro mandato na Câmara dos Deputados. Destaca-se por sua luta em prol do homem do campo, saúde, segurança, educação, além de ser um político presente em suas bases políticas.

Além de assumir a presidência da Frente Parlamentar do Café, é vice-presidente para o Sudoeste, da Frente Parlamentar em Defesa da Cultura e do Entretenimento; vice-presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa de Furnas, suplente na Comissão Permanente de Produção de Leite; membro efetivo na Frente Parlamentar em Prol da Luta Contra Câncer; membro titular na Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural e autor da Frente Parlamentar das Cirurgias Eletivas, que em breve será instalada e assumirá também a presidência.

PROJETOS DE LEI

Em Brasília, o parlamentar já apresentou alguns importantes projetos, dentre eles estão o Projeto de Lei 47/2019, que cria subvenção econômica a produtores rurais, ou a suas cooperativas, na venda de café; o Projeto de Lei 1934/2019, que visa alterar a Lei nº 13.340, de 28 de setembro de 2016, para autorizar a concessão de rebate para liquidação de operações de crédito rural em municípios que tenham tido reconhecimento pelo Poder Executivo federal de situação de emergência ou estado de calamidade pública por seca ou estiagem, no período compreendido entre 1º de janeiro de 2012 e 31 de dezembro de 2016 e indicou o Projeto 855/2019, que sugeriu o envio de Indicação ao Poder Executivo, sugerindo a criação do Programa Mais Genética, para se tornar uma política de estado.

FRENTE PARLAMENTAR DO CAFÉ

A Frente Parlamentar do Café, representada pelo presidente deputado federal Emidinho Madeira, realizou conversas com os principais bancos que fornecem crédito para os cafeicultores. Desde agosto de 2019, as conversas com o Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Bradesco e Bancoob, visaram à renegociação e prorrogação das dividas dos cafeicultores. Também foi tema das pautas, a equiparação às taxas do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Os avanços das reuniões são positivas e começam a surtir efeitos. “O Banco do Brasil foi o primeiro a aderir aos nossos pedidos. Equipararam as taxas, e fizeram a prorrogação da dívidas. Continuamos conversando com as outras instituições para que os cafeicultores tenham mais condições de trabalho”, afirma Emidinho Madeira.

Reunião com cafeicultores de Manhuaçu
Na companhia do vice-presidente da Frente Parlamentar do Café, deputado Evair de Melo e Breno Mesquita da CNA, participei nesta segunda-feira (14), em Manhuaçu, da 1ª Plenária dos Cafeicultores do Leste de Minas, promovida pela Câmara do Café do leste de Minas em parceria com sindicatos e entidades representativas dos cafeicultores. Durante a reunião, o gerente de agronegócios do Banco do Brasil (MG), Daniel Alves, reafirmou o compromisso sobre a prorrogação e renegociação de dívidas dos cafeicultores.

27° Seminário do Café da Região do Cerrado Mineiro
O presidente da Frente Parlamentar do Café, deputado federal Emidinho Madeira, participou no dia 30 de setembro, da abertura do 27º Seminário do Café da Região do Cerrado Mineiro, em Patrocínio/MG. A comitiva foi composta pela deputada Greyce Elias, que organizou a comitiva e contou com a presença do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, demais parlamentares e o governador de Minas Gerais, Romeu Zema.

A ACARPA, lançou a Semana do Café, que tem como objetivo atrair à população da região patrocinense para participar do Seminário. Iniciativas como essas, incentivam o consumo do café e fomentam o turismo na região, colaborando com a geração de empregos e renda para os municípios.

Frente parlamentar do café apresenta demandas para Maia
O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, recebeu o presidente da Frente Parlamentar do Café, deputado Emidinho Madeira, e o vice, Evair de Melo. Maia convidou os parlamentares para conhecer as demandas dos cafeicultores e sinalizou o apoio na tramitação do PL 4765/2019, de autoria dos deputados Emidinho Madeira e Diego Andrade, que concede socorro econômico aos cafeicultores. Os representantes da Frente avaliaram como positiva a reunião, e afirmam terem um apoio importante na Câmara Federal para tratar dos interesses do setor.

Leia Também:  PM PRENDE HOMEM POR TRÁFICO EM ALPINÓPOLIS

CIRURGIAS ELETIVAS

Em parceria com o senador Rodrigo Pacheco, o deputado federal indicou mais de R$ 20 milhões para a saúde pública nas regiões Sul e Sudoeste de Minas. Para Cirurgias Eletivas foram indicados R$ 22,5 milhões e o saldo desse montante para custeio de serviços de atenção básica em saúde. Esses recursos vão dar fôlego para as Santas Casas e Hospitais que doam os seus serviços em prol da comunidade. Neste ano foram indicados à Santa Casa de Guaxupé, emenda parlamentar no valor de R$ 3,2 Milhões, já pagos. Deste valor, R$ 2,9 serão para realização de Cirurgias Eletivas no município e região, além dos R$ 300 mil para reformar e equipar a Hemodiálise de Guaxupé. Emidinho Madeira também tomou frente da luta em prol da instalação da Hemodiálise na Santa Casa de Piumhi, na região da Canastra.
Junto com a bancada mineira, foram destinados mais de R$ 117 milhões para a saúde pública.

“Não foi muito fácil chegar onde chegamos. Foram quatro anos de trabalho, três como estadual e um como federal. Nunca, na história desta Região, um deputado estadual reuniu tanto recurso para aplicar de uma só vez na saúde, conforme está sendo feito agora. Quero ressaltar que os gestores das prefeituras que acreditaram no projeto, além do pessoal técnico das Santas Casas e todos os envolvidos, têm grande participação. Eu não fiz nada sozinho, pois tenho uma equipe junto. Por isso, se mantivermos esta união, certamente conseguiremos zerar a fila, pois este é o meu objetivo”, celebrou o parlamentar.

SEGURANÇA PÚBLICA

Para reverter os casos de criminalidade nos municípios do Sul e Sudoeste mineiro, foram indicados R$ 1.800.000,00 (um milhão e oitocentos mil reais) para aquisição de veículos equipados para órgãos de segurança pública. Os recuros serão aplicados na segurança das áreas urbanas dos municípios e no campo através das patrulhas rurais.

Nesses meses de mandato federal já foram entregues também pelo deputado Emidinho Madeira, oito viaturas da Polícia Militar para os municípios de Carmo do Rio Claro, Campestre, Guaranésia, Cássia, Monte Belo, Piumhi, Alpinópolis e Fortaleza de Minas, das quais sete em parceria com o senador Rodrigo Pacheco.

“Dos R$ 70 milhões destinados pela bancada mineira para a segurança pública no nosso estado, em 2020, mais de R$ 1,2 milhão deverá ser indicado através do nosso mandato”, afirma o parlamentar.

Para 2020, Emidinho Madeira pretende equipar com novas Patrulhas Rural a 18ª Região da Polícia Militar, Polícia Civil e demais órgãos da segurança, buscando sempre melhores condições de trabalho para as forças de segurança da nossa região.

EDUCAÇÃO

Através da indicação do deputado federal Emidinho Madeira, municípios do Sul e do Sudoeste de Minas serão contemplados com recursos da área de educação para construção de creches; ampliação, reforma e adequação de espaços escolares, além de aquisição de ônibus para transporte escolar. Os recursos também serão utilizados para aquisição de mobiliário, equipamentos para todas as etapas da educação básica e também para implantação de tecnologias da informação, com o objetivo de melhorar o método de ensino e aprendizagem. Vale ressaltar que os municípios de São Roque de Minas e Itamogi já receberam um ônibus e outro será entregue a Piumhi em breve. Para o Instituto Federal do Sul de Minas – Campus Muzambinho, foi indicado o valor de R$ 1 milhão, para o Hospital Veterinário Regional.

Leia Também:  PRESTAÇÃO DE CONTAS DA FRENTE PARLAMENTAR DO CAFÉ E FÓRUM MUNDIAL SÃO TEMA DE REUNIÃO NO SUL DE MINAS

“Com uma educação fortalecida vamos formar cidadãos de bem. São crianças, adolescentes e jovens que serão beneficiados com as nossas ações. Fico feliz em poder contribuir com o futuro de todos eles”, declara Emidinho Madeira.

ASSISTÊNCIA SOCIAL

Com o compromisso de valorizar pessoas em situação de vulnerabilidade social, permitindo-lhes o acesso aos serviços de atendimento às suas necessidades básicas; às atividades socioeducatias; à proteção e ao cuidado, o deputado federal Emidinho Madeira destinou um total de R$ 5,5 milhões para a assistência social. Esses recursos permitirão a prevenção de riscos sociais e pessoais por meio da implementação, através de entidades assistenciais como as APAEs, Lar de Idosos e Prefeituras Municipais, de programas, projetos, serviços e ações voltadas a indivíduos e famílias em situação de insegurança.

“Umas das minhas prioridades é zelar pelo bem-estar de todos os mineiros. Por isso, dentro do nosso mandato, vou continuar buscando recursos para atender bem as instituições que têm a nobre missão de assistir as pessoas que mais precisam”, ressalta o deputado.

INFRAESTRUTURA

Visando a melhoria na qualidade de vida nos municípios do Sul e do Sudoeste de Minas, o deputado federal Emidinho Madeira destinou R$ 4,8 milhões e, em parceria com o senador Rodrigo Pacheco indicou mais R$ 6 milhões para obras de infraestrutura urbana e rural. Os recursos serão aplicados na aquisição de máquinas e equipamentos; na construção de estradas vicinais para escoamento da produção regional; pavimentação de vias urbanas; construção e revitalização de praças e realização de projetos relevantes para o desenvolvimento municipal. Mais de R$ 100 mil serão utilizados na canalização de córregos para proteção do meio ambiente e de curso d’água em centros urbanos. Essa é uma intervenção necessária para aumentar a capacidade de vazão de córregos em áreas que sofrem com enchentes, solapamentos das margens e erosão.

AGRONEGÓCIO

Com o intuito de estimular o agronegócio no Sul e Sudoeste de Minas, o deputado federal Emidinho Madeira, destinou R$ 6 milhões para a agricultura. Os recursos serão utilizados na realização de exposições e feiras agropecuárias; aquisição de sêmen e máquinas de beneficiar café, manutenção e conservação de estradas vicinais; aquisição de máquinas agrícolas. Esse investimento irá certamente fomentar o aumento da produção e do consumo e promover o desenvolvimento agropecuário, inclusive na região Sul que representa uma das maiores produções de café do estado e do país.

MAIS GENÉTICA

Idealizado pelo deputado federal Emidinho Madeira, o programa Mais Genética é sucesso em Minas Gerais. Parceiro dos pequenos produtores, o melhoramento genético promovido pelo programa, em gerando renda para os criadores de Gir leiteiro e Girolando. Para fortalecimento do Mais Genética, foram indicados mais de R$ 600 mil através de emenda parlamentar.

“Tenho o compromisso de fortalecer o agronegócio da nossa região. Sei que muito precisa ser feito, mas estou trabalhando para melhorar a renda dos nossos produtores rurais”, disse o deputado.

NOSSO MEL

Criado para apoiar os apicultores e incentivar agricultores familiares a uma diversificação de renda com produção de mel e própolis, o programa Nosso Mel atuará na capacitação e apoio, com equipamentos básicos para iniciantes, melhoramento genético para apicultores já em atividade e apoio na busca de agregação de valor nas vendas da produção, redução de custos e na aquisição de insumos. O programa Nosso Mel já visitou vários municípios da região apresentando as propostas do programa, as metas e ações futuras.

“Agradeço novamente a Deus por me dar saúde e força, agradecer o apoio da minha família, o carinho e a confiança do povo da nossa região, das nossas lideranças e a toda nossa equipe do mandato, que contribui muito para o sucesso dos nossos trabalhos”, agradeceu o deputado federal Emidinho Madeira.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Geral

RECEITA FEDERAL DOA 2,3 TONELADAS DE ROUPAS “PIRATEADAS” AO IFSULDEMINAS PARA FABRICAÇÃO DE MÁSCARAS CONTRA A COVID-19

Publicados

em

A entrega será hoje, 19/04, no Campus Muzambinho. As máscaras produzidas serão destinadas a doações.
Mais de 2,3 toneladas de roupas contrafeitas (“pirateadas”) apreendidas em operações da Receita Federal serão utilizadas na prevenção contra a COVID-19. Parte das peças serão transformadas em máscaras protetoras, que beneficiarão a população carente do sul de MG. A estimativa é de que milhares de máscaras serão produzidas e, posteriormente, doadas às Secretarias Municipais de Saúde, Secretarias Municipais de Ação Social, Habitação e Trabalho e, em especial, à população carente sul mineira A descaracterização das peças e fabricação das máscaras ficarão por conta do IFSULDEMINAS, em mais uma parceria com a Receita Federal.

A entrega das 2,3 toneladas será feita pela Receita Federal ao IFSULDEMINAS hoje, 19 de abril, em Muzambinho, no Campus do IFSULDEMINAS, às 11h da manhã. Estarão presentes o Delegado da Receita Federal do Brasil em Varginha, auditor-fiscal Michel Lopes Teodoro e o Reitor do IFSULDEMINAS Prof. Marcelo Bregagnoli.

Além das quase 3800 peças, nesta quinta-feira, 15 de abril, outra doação foi feita pela Receita Federal ao IFSULDEMINAS: 160 mil litros de bebidas destiladas que serão transformadas em álcool gel 70%. Essas bebidas foram apreendidas em uma fábrica clandestina de cachaça em Montes Claros, em uma operação de fiscalização da Receita Federal e PMMG.

Leia Também:  PATRULHA RURAL REALIZA OPERAÇÕES E AÇÕES NA ZONA RURAL

Da origem criminosa para o destino solidário

As peças de vestuário foram apreendidas em operações de fiscalização da Receita Federal no sul de MG, que combatem o descaminho, ou seja, a importação de mercadorias sem o pagamento do imposto. O objetivo dessas operações é evitar a circulação, em território nacional, de produtos potencialmente nocivos à saúde e ao meio ambiente. Por se tratar de imitações de marcas conhecidas nacionalmente, os vestuários precisam ser destruídos. Uma das formas de destruição prevista na legislação é a descaracterização.

“Após ficarem prontas, as máscaras serão doadas a diversas entidades beneficentes, hospitais e associações mineiras. Essa é uma forma de respondermos à sociedade de forma solidária e também extremamente útil à prevenção da COVID-19, já que sabemos que o uso de máscaras é essencial durante a pandemia”, explica o Delegado da Receita Federal do Brasil no Sul de Minas, auditor-fiscal Michel Lopes Teodoro.

Ainda de acordo com o auditor-fiscal, a destinação sustentável é prática crescente em Minas Gerais. “Além de abarcar os três pilares da sustentabilidade – econômico, ambiental e social -, essa destinação é também solidária, e busca, sempre que possível, ajudar a parcela da população que mais precisa da presença estatal. É mais uma forma de cumprirmos nosso propósito, sempre voltado para o bem comum e para o desenvolvimento coletivo”.

Leia Também:  O MAIS GENÉTICA JÁ É REALIDADE EM SÃO JOSÉ DA BARRA!!!

Para o reitor do IFSULDEMINAS, professor Marcelo Bregagnoli, a parceria tem se mostrado muito positiva e quem ganha é o contribuinte. “Temos uma parceria muito efetiva com a Receita Federal, fortalecendo o valor público entre as instituições. Ações como essa nos enchem de orgulho por sabermos que vamos além do ensino, pesquisa e extensão, ampliando nossas ações sociais junto a sociedade”.

Processo de Transformação

De acordo com o IFSULDEMINAS, a descaracterização acontece com a retirada de etiquetas, marcas e logomarcas em evidência, e o material será reutilizado na confecção de máscaras de proteção contra a COVID-19. Além do vestuário, outros itens estão sendo destinados ao IFSULDEMINAS, como: cintos, sapatos e bonés. Esses artigos serão doados à população de baixa renda ou em situação de vulnerabilidade.

Parceria pelo bem

Desde o início da pandemia, Receita Federal e IFSULDEMINAS trabalham juntos em ações sustentáveis e solidárias. Até o momento, a Receita Federal já entregou ao IFSULDEMINAS 90 mil litros de bebidas alcoólicas e mais de 2500 frascos de perfumes para a transformação em álcool em gel. Além disso, destinou 57 toneladas de tabaco para a transformação de adubo orgânico. Todo o material produzido foi doado a hospitais, entidades beneficentes e associações comunitárias de todo estado.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ALPINÓPOLIS E REGIÃO

MINAS GERAIS

POLÍCIA

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA