Minas Gerais

Santa Luzia sediará o Museu da Cozinha Mineira

Publicados

em


Representantes do Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha-MG) e do município de Santa Luzia assinaram, nesta sexta-feira (13/8),  protocolo de intenção de cooperação técnica  para a implantação do Museu da Cozinha Mineira na cidade da Região Matropolitana de Belo Horizonte (RMBH). A parceria busca contribuir para o desenvolvimento e valorização da cozinha mineira como patrimônio cultural imaterial.

A proposta do equipamento cultural é de que haja uma exposição de longa duração e outras mostras temáticas de média duração, com base em calendário de datas comemorativas e em consonância com atividades educativas.

O espaço expositivo deverá ser composto por utensílios domésticos relacionados à cozinha mineira e objetos e recursos tecnológicos que incentivem a interação dos visitantes com o acervo.

Expectativa

O secretário de Estado de Cultura e Turismo, Leônidas Oliveira, o presidente do Iepha-MG, Felipe Pires, e integrantes da equipe técnica da Secretaria de Cultura e Turismo de Minas Gerais (Secult) visitaram o espaço nesta sexta-feira. O museu será instalado na Fazenda Boa Esperança, pertencente ao município, que será restaurada pela prefeitura.

Leia Também:  Fhemig divulga vagas para Galba Velloso e Santa Izabel

Neste processo, o Iepha-MG irá fornecer orientação técnica para a implantação do projeto.

“O Museu da Cozinha Mineira será parada obrigatória para turistas, até pela proximidade com o Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins”, diz o secretário Leônidas Oliveira.

Ele também ressalta o trabalho da Secult e do Iepha-MG para reconhecer a cozinha mineira como patrimônio do estado e do país.

“O Governo de Minas deu início ao processo de reconhecimento, além de elaborar, de forma participativa e colaborativa, o Atlas da Cultura Alimentar de Minas Gerais. Já o Plano Estadual da Cozinha Mineira afirma-se como mais um passo importante para o desenvolvimento sustentável da cultura e do turismo no estado, prevendo a articulação de iniciativas do poder púbico, setor privado e sociedade civil, buscando movimentar a economia criativa para a geração de milhares de empregos”, enfatiza o secretário.

O presidente do Iepha-MG, Felipe Pires, acrescenta que a cozinha é parte da identidade e da cultura de Minas Gerais, e representa não apenas o alimento, mas afeto e cuidado.

“A criação do museu em Santa Luzia, em parceria com a prefeitura, terá como base os estudos em desenvolvimento pelo Iepha no sentido de reconhecer esse patrimônio imaterial, possibilitando a implantação do espaço que vai reunir, representar e valorizar essa tradição numa ação de importante salvaguarda”, observa.

Leia Também:  SENAR realiza curso de Cozinha Rural pela primeira vez em São Valério

Fazenda Boa Esperança

A Fazenda Boa Esperança é um exemplar da arquitetura rural mineira de finais do século XIX. A edificação principal é uma construção inspirada no estilo colonial e se integra perfeitamente à natureza local. O principal detalhe arquitetônico é o alpendre.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Minas Gerais

Saiba como ajudar e onde entregar doações para os atingidos pelas chuvas em Minas

Publicados

em


O Governo de Minas, por meio do Serviço Social Autônomo (Servas), intensifica esforços para a campanha SOS Chuvas Minas Gerais. O objetivo é receber doações destinadas à população atingida pelas fortes chuvas que castigaram os municípios do estado. A prioridade agora é arrecadar água potável, alimentos não perecíveis, material de higiene pessoal, colchões e cobertores. Uma força-tarefa envolvendo a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), a Coordenadoria Estadual de Defesa Civil de Minas Gerais (Cedec) e as forças de segurança está recolhendo o material e prestando ajuda humanitária aos afetados.

Desde o início do período chuvoso em Minas, em outubro de 2021, 25 pessoas morreram, 47.911 ficaram desalojadas e 7.336 desabrigadas (dados atualizados em 17/1). As informações foram divulgadas pela Cedec. Até o momento, 377 cidades estão em situação de emergência.

Saiba como e onde doar 

As doações podem ser entregues diretamente na sede do Servas, na Avenida Cristóvão Colombo, 683, no bairro Funcionários, em Belo Horizonte, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. Neste momento, a doação de roupas está suspensa devido ao grande número de material recebido nos últimos dias. Os itens de maior necessidade são água potável, alimentos não perecíveis, material de higiene pessoal, colchões e cobertores. Mais informações podem ser acessadas nas redes sociais da instituição, no site www.servas.org.br ou pelo telefone (31) 3349.2400.

Para doações em dinheiro, os dados para transferência são:

Serviço Social Autônomo
CNPJ: 17.385.840/0001-12
Caixa: Ag. 1667 / CC: 3529-1
Pix: +5531991630836

Os donativos também podem ser entregues na rede de supermercados Verdemar, no BH Shopping, Shopping Diamond Mall e Shopping Pátio Savassi, em todos os batalhões, quartéis e bases comunitárias de Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Delegacias de Polícia Civil de Minas Gerais e em pontos de coleta da Cemig. Confira os endereços:
 

  • Todos os batalhões, quartéis e bases comunitárias de Polícia Militar de Minas Gerais
  • Todos os batalhões do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais
  • Todas a Delegacias de Polícia Civil de Minas Gerais
Leia Também:  Governo de Minas repassa R$ 10,75 milhões para a Santa Casa de Patos de Minas

Agências da Cemig

1. Ipatinga (Rua Uberlândia, nº 321, Centro )

2. Itabira  (Rua Topázio, 45, Areão)

3. Paracatu (Rua Matias Mundim, 337, Santa Lúcia)

4. Varginha  (Rua Presidente Antônio Carlos, 538, Centro)

5. Divinópolis (Rua Itapecerica, 151, Centro)

6. Pará de Minas (Rua João Alexandre, 670, Dom Bosco)

7. Montes Claros  (Rua Padre Augusto, 550, Centro)

8. Almenara (Rua Hermano de Souza, 214, Centro)

9. Teófilo Otoni  (Praça Germânica, 16, Centro)

10. Salinas (Avenida Frederico Leão Bitencourt, 64)

11. Januária (Avenida Cônego Ramiro Leite, 17, Centro)

12. Uberlândia (Avenida João Pinheiro, 1373, Aparecida)

13. Patos de Minas (Avenida Prefeito Camundinho, 861, Lagoa Grande)

14. Pouso Alegre (Praça João Pinheiro, 194, Centro)

15. Betim (Praça Tiradentes, 84)

16. Edifício Sede da Cemig em Belo Horizonte  (Avenida Barbacena, 1200, Santo Agostinho)

Pátio Savassi

Avenida do Contorno, 6061 – São Pedro

Diamond Mall

Avenida Olegário Maciel, 1600 – Lourdes

BH Shopping

BR-356, 3049 – Belvedere

Lojas Supermercado Verdemar

  • Rua Fernandes Tourinho, 471 – Funcionários
  • Rua do Ouro, 195 – Serra
  • Rua Vancouver, 40 – Jardim Canadá
  • Rua Guaicuí, 700 – Luxemburgo
  • Rua Viçosa, 572 – São Pedro
  • Rua Turquesa, 721 – Prado
  • Av. Nossa Sra. do Carmo, 1900 – Sion
  • Av. Raja Gabáglia, 3600 – Estoril
  • Av. Prof. Mário Werneck, 1.500 – Buritis
  • Av. Santa Rosa, 846 – Pampulha
  • Av. Tancredo Neves, 2700 – Castelo
  • Av. Cristiano Machado, 2130 – Cidade Nova
Leia Também:  Inscrições abertas para II Prêmio da Música Popular Mineira

Super Nosso

  • Super Nosso Lourdes – Rua Gonçalves 1979 Lourdes
  • Super Nosso Castelo – Av. Heráclito Mourão de Miranda 1700 Castelo
  • Super Nosso Luxemburgo- Av. Guaicui 355 Coração de Jesus
  • Super Nosso Nova Lima Rodovia MG 30 Loja 18 Vale do Sereno Nova lima
  • Super Nosso Planalto- Av. General Olímpio Mourão Filho 717 Planalto
  • Super Nosso Pampulha- Av Portugal 2481 Santa Amélia
  • Super Nosso Cruzeiro- Av. Afonso Pena 3328 Cruzeiro
  • Super Nosso Buritis- Av. Mário Werneck 2641 Buritis
  • Super Nosso  Xua-  Rodovia BR 356 450

Apoio Mineiro

  • Apoio Mineiro Floramar– Av. Cristiano Machado 10.768 Floramar
  • Apoio Mineiro Aarão Reis- R. Waldomiro  Lobo 133 Aarão Reis
  • Apoio Mineiro Silva Lobo – Av. Silva Lobo 900 Nava Suíça
  • Apoio Mineiro Horto- Silviano Brandão 3001 Horto
  • Apoio São Francisco- Anel Rodoviário Celso Mello Azevedo 17.850 Sumaré

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ALPINÓPOLIS E REGIÃO

MINAS GERAIS

POLÍCIA

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA