Economia

Diretor do Sebrae/Minas atende presidente da Câmara de Alpinópolis que busca implantação da Sala Mineiro do Empreendedor

Publicados

em

Empresas e empresários –  Desde o início da legislatura que o atual presidente da Câmara de Alpinópolis, Alex Cavalcante Gonçalves (PSDB) levantou a bandeira dos empresários e das empresas. Nesse sentido e com bastante determinação é que o vereador tem se posicionado em suas ações de enfretamento a pandemia.

“Entendemos que a vida é essencial, que os profissionais da linha de frente merecem o nosso apoio e o nosso reconhecimento, que a ciência é fundamental em todos os momentos da vida, porém avaliar qual setor da economia é essencial e qual não é, se torna uma forma de desprezar aqueles que mantêm a cidade de pé. Por isso é necessário políticas que geram alternativas para as categorias que mais sofrem nesse delicado período que atravessa a humanidade, os comerciantes. É lógico que temos que salvar vidas e defender a saúde pública, mas não podemos, por outro lado, deixar a economia morrer”. Disse o presidente.

Foi com essa determinação e com bom networking que na última sexta-feira (09/04) que Alex Cavalcante foi atendido pelo gerente regional centro-oeste sudeste do Sebrae, Leonardo Mol de Araújo. Durante a reunião, realizada com tecnologia remota, o gerente regional apresentou o Sebrae e os benefícios da parceria entre os pares.

Leia Também:  Repórter da Globo discute com entrevistado: "Não tem 100 mil mortes inventadas"

“O ideal para Alpinópolis é a Sala Mineira do Empreendedor que irá proporcionar aos empresários da cidade, cursos, treinamentos, estratégias de mercado e consultoria. Todo treinamento dos servidores é feito pelo Sebrae, precisamos apenas de um espaço físico com estrutura. Importante destacar que a prefeitura precisa manifestar esse interesse em contribuir com as empresas e que o convênio é assinado entre município e Sebrae. De cá estamos a disposição” . Avaliou Leonardo Mol.

A Sala Mineira do Empreendedor é o resultado da parceria entre SEBRAE MINAS e a JUCEMG –Junta Comercial do Estado de Minas Gerais. Ela foi desenvolvida para melhorar e simplificar o ambiente de negócios em todo o Estado, atuando e lado a lado com as administrações municipais, oferecendo apoio para empreendimentos de todos os portes.

“Temos bons exemplos de cases de sucesso na região como, por exemplo, Capitólio, Cássia e Poços de Caldas. Com o Sebrae instalado em Alpinópolis os empresários podem obter orientações, informações e todo o conhecimento necessário para alavancar a sua empresa e a sua marca. Se a prefeitura firmar o convênio e acatar nossa indicação estamos dispostos a sediar o espaço físico , bem como toda a estrutura para o pleno funcionamento em nossa cidade.” Finalizou Alex.

Leia Também:  Sabesp prorroga isenção de pagamento e suspensão de corte por mais um mês

O Sebrae é um agente de capacitação e de promoção do desenvolvimento, criado para dar apoio aos pequenos negócios de todo o país. Desde 1972, trabalha para estimular o empreendedorismo e possibilitar a competitividade e a sustentabilidade dos empreendimentos de micro e pequeno porte.

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CIDADES

Férias-prêmio: Sancionada junto à LDO, emenda do Deputado Dalmo Ribeiro exige proposição de calendário de pagamento

Publicados

em

Com o objetivo de valorizar o funcionalismo público, o Deputado Dalmo Ribeiro apresentou emenda para inclusão do cronograma de pagamento das férias-prêmio dos servidores mineiros na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2022. A proposta foi aprovada pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais e já sancionada pelo Governador Romeu Zema, junto à LDO, no último dia 29.

“A valorização dos servidores públicos é uma demanda urgente. Essa emenda faz justiça ao funcionalismo, evita o progressivo endividamento do Estado e ainda garante importante injeção de recursos na nossa economia.” declara o Deputado.

O Governo de Minas está aguardando nova disponibilidade de recursos para dar sequência aos pagamentos. De acordo com a Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag-MG), o calendário de quitação será apresentado em breve.

Férias-Prêmio
As férias-prêmio correspondem a três meses de licença, que são concedidas aos servidores públicos a cada cinco anos de trabalho. Muitos, porém, optam por receber o benefício em dinheiro.

O pagamento foi paralisado em 2015, na gestão anterior ao Governo Zema, e retomado em 2019 para aqueles servidores que tiveram sua aposentadoria publicada ao longo de 2013 e 2014. Cerca de 22 mil servidores públicos mineiros aposentados possuem valores a receber. O débito gira em torno de R$ 582,7 milhões, segundo dados da Secretaria de Estado de Fazenda (SEF-MG).

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  GOL receberá novos Boeing 737 MAX em 2021
Continue lendo

ALPINÓPOLIS E REGIÃO

MINAS GERAIS

POLÍCIA

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA