Serviços Essenciais

Alex Mochila leva agência UAI para Alpinópolis

Publicados

em

O presidente da Câmara de Alpinópolis e pré-candidato a deputado federal, Alex Cavalcante Mochila (PSDB) assinou ontem ( 17/5 ) no gabinete Especial da Seplag (Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão) o convênio para a implantação de um ponto de atendimento do UAI COMPARTILHA para o seu município.
Alpinópolis entra para um seleto time de 12 cidades mineiras que oferecem esse serviço aos seus cidadãos.
A agenda na SEPLAG foi organizada pelo secretário estadual do PSDB , Luigi D’angelo e pelo deputado estadual Dalmo Ribeiro, outro tucano e amigo pessoal do presidente da Câmara.
O convênio assinado pelo Poder Legislativo e uma rara exceção, que demonstra a brilhante articulação política do vereador Alex.
“Enquanto homem público a minha única e exclusiva preocupação será em levar qualidade de vida para a nossa gente.” Afirmou Mochila.
O convênio foi assinado pelo vereador com a secretária de Estado, Luísa Barreto (PSDB) e com o subsecretário Rodrigo Lara Diniz.
Já nesta quarta-feira (18/5) a câmara recebeu o projeto da engenharia e Cavalcante autorizou o início do processo de licitação para adequação do prédio onde será o UAI.
O UAI Compartilha é um CASE de sucesso da Seplag e oferece os mais diversos serviços, desde emissão de entidades a provas do Detran.
Estiveram presentes na cerimônia a assessora do deputado Dalmo, senhora Teresinha e os assessores da Câmara de Alpinópolis, o advogado Roger Aun e o assessor de gabinete, Fernando Freire.
A inauguração está prevista para outubro com presença confirmada da Secretária de Estado, Luísa Barreto.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Assassinato de boi em via pública divide opiniões na internet
Propaganda

ECONOMIA

Pré-market: Bolsa brasileira cai mais de 4% no exterior após vitória de Lula; Petrobras afunda 8%

Publicados

em

O EWZ, ETF que representa a bolsa brasileira nos Estados Unidos, cai mais de 4%% no pré-mercado americano, com investidores reagindo negativamente ao resultado das eleições presidenciais. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva venceu com 50,9% dos votos.

A queda, além de refletir o maior pessimismo de investidores com relação à Lula, também representa o desmonte de apostas em torno de uma eventual reeleição do presidente Jair Bolsonaro, considerado mais pró-mercado.

“A grande expectativa do mercado agora fica com a divulgação de possíveis ministros e a percepção em relação aos gastos fiscais”, afirmou Jason Vieira, economista-chefe da Infinity Asset.

Entre os anúncios aguardados pelo mercado, dois deles são considerados peças-chave: qual regra deverá substituir o teto de gastos e quem será escolhido para comandar a economia do país.

“A gente sabe que não vai ter uma regra fiscal, mas é preciso saber o que vem no lugar e quem será o ministro da Fazenda. O mercado vai reagir de forma diferente se for o Henrique Meirelles ou ser for o Fernando Haddad, que já foram ventilados”, afirmou Gustavo Cruz, estrategista da RB Investimentos.

Leia Também:  Associação Comercial divulga ganhadores do sorteio "Natal Premiado"

Com muitas incertezas a serem preenchidas, investidores devem seguir o tom de cautela na abertura dos negócios na B3, às 10h desta segunda. Embora a queda do Ibovespa nesta segunda seja praticamente certa, são as ações de estatais que devem amargar as maiores perdas do dia.

FONTE: EXAME

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ALPINÓPOLIS E REGIÃO

MINAS GERAIS

POLÍCIA

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA