ESPORTES

Anderson Leite fala sobre suspensão da semifinal: “Ficamos surpresos”

Publicados

em


O volante Anderson Leite participou da entrevista coletiva do dia. Aos 27 anos, o volante é capitão no atual elenco da equipe alviverde. Na última temporada foi fundamental nas conquistas do Campeonato Catarinense e Brasileiro Série B, disputou 38 jogos e marcou um gol.

O principal assunto na atualidade é a suspensão dos jogos entre Chapecoense e Marcílio Dias, fato que segundo o atleta, foi surpresa para todos. “Ficamos surpresos, recebemos a notícia ontem de noite. Não temos mais informações porque o julgamento está marcado para terça-feira.

Temos que esperar até se resolver tudo e nos preparar para o que vai acontecer. Se tiver que jogar novamente as quartas de final, vamos nos preparar para jogar”.

Após uma lesão, Anderson retornou ao time na partida decisiva contra o Hercílio Luz, em Tubarão, no empate por 0 a 0. Para o volante, este retorno é importante para retornar ao nível máximo. “Como eu sempre falo, nós atletas nunca queremos nos lesionar, mas faz parte do processo.

Leia Também:  "A Fazenda 12": Stéfani desabafa sobre briga com Raíssa: "Vou me afastar"

Toda a vez que entramos dentro de campo para treinar ou jogar, a gente corre esse risco. Tenho trabalhado muito para que não aconteça, porque quanto lesiona, acaba perdendo todo o ritmo… Nos últimos jogos tivemos viagens em campo ruim, bem desgastante… Só se pega ritmo quando joga, então creio que esta reta final do Campeonato Catarinense vai ajudar bastante para que chegue no Brasileiro e tenhamos uma boa estreia”.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

Pirani vibra com ‘sonho realizado’ e quer Santos vivo no Paulista: “Vamos lutar até o fim”

Publicados

em


Com a goleada por 5 a 0 sobre o The Strongest na última terça-feira (4), na Vila Belmiro, pela 3ª rodada da fase de grupos da Conmebol Libertadores, o Santos FC voltou a vencer após cinco jogos de jejum na temporada. E o resultado diante dos bolivianos contou com a ótima colaboração da Gabriel Pirani.

O meia, de apenas 19 anos, foi o autor da assistência para Marinho abrir o placar antes do primeiro minuto e também anotou o segundo tento do Peixe na goleada. Empolgado com a boa apresentação no torneio continental, o camisa 20 vibrou com o sonho realizado.

“Foi um momento especial demais. Não só meu, mas também de toda a minha família. É uma luta diária que a gente tem para chegar no objetivo. Marcar um gol com essa camisa numa Libertadores é um sonho realizado. Tudo isso é fruto de muito trabalho. Agora é trabalhar mais ainda para que novos sonhos se realizem”, afirmou Pirani.

Com a esperança reavivada na Conmebol Libertadores, o Santos FC agora muda seu foco no Campeonato Paulista. O Alvinegro Praiano encara o Palmeiras nesta quinta-feira (6), às 21h, no Allianz Parque, pela 11ª rodada, e precisa da vitória para seguir sonhando com a classificação para as quartas de final do torneio.

  Fluminense vence o Santos e atinge sete jogos sem perder

Leia Também:  Copa do Brasil: em jogo movimentado, Fortaleza e São Paulo empatam

Antes disso, porém, os santistas precisam dar uma ‘secada’ no Guarani. Na segunda colocação do grupo D, com 14 pontos, a equipe de Campinas faz clássico com a Ponte nesta quarta (5), às 21h, no Moisés Lucarelli. Caso consiga a vitória diante da Macaca, o Bugre consegue a vaga e elimina matematicamente o Santos FC do Paulistão.

“Vamos secar um pouco o Guarani contra a Ponte, sim. Mas temos que fazer a nossa parte também contra o Palmeiras. Vamos lutar até o fim e dar o máximo para vencer o clássico também. Sabemos que a situação no Paulista é difícil, mas vamos seguir lutando”, concluiu Pirani.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ALPINÓPOLIS E REGIÃO

MINAS GERAIS

POLÍCIA

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA