ALPINÓPOLIS E REGIÃO

Polícia Civil de Alpinópolis cumpre mandados de busca e apreensão na cidade de Carmo do Rio Claro

Publicados

em

Foto: Policia Civil

Na data de hoje (10/11/2022), a Polícia Civil de Minas Gerais, por meio da 22 Delegacia de Polícia de Alpinópolis, cumpriu mandados de Busca e Apreensão na cidade de Carmo do Rio Claro, mandados estes expedidos pelo Juízo da Comarca de Alpinópolis no curso de investigações em que se apuram crimes de roubo nesta cidade. Foram recuperados dois aparelhos celulares roubados em Alpinópolis, além de um veículo Honda Civic roubado na cidade de Pouso Alegre, ambos os crimes cometidos no início do mês de outubro do corrente ano.

O veículo possui valor de mercado aproximado de R$ 60.000,00, ao passo que os celulares cerca de R$ 3.500,00. Além dos bens recuperados, também foram apreendidos dois simulacros de arma de fogo, além de dois cigarros de maconha e pequenas porções dessa mesma droga. Quatro pessoas foram presas pelo crime de receptação (duas delas, que se encontravam foragidas da justiça) e conduzidas a Delegacia de Carmo do Rio Claro.

Leia Também:  PGR pede ao STF apreensão de arma da deputada Carla Zambelli

As investigações prosseguem, a fim de elucidar a autoria delitiva dos crimes de roubo, bem como recuperar os bens subtraídos em sua integralidade. Participaram das diligências: Delegado Helio de Mattos Junior, Escrivão Lucas Marley, Investigadores Grace Renata, Edvaldo de Souza, Carlos Rezende, todos da DPC de Alpinópolis, além do Investigador Alberto Pontes Neto, da Delegacia de Conceição da Aparecida.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ALPINÓPOLIS E REGIÃO

Mesa Diretora economiza e garante devolução milionária para prefeitura de Alpinópolis

Publicados

em

Na manhã dessa sexta-feira (30/12) o presidente da Câmara Municipal de Alpinópolis, Alex Cavalcante Gonçalves, o popular Alex Mochila (PSDB), assinou e repassou para a prefeitura o cheque de R$535.648,09 (quinhentos e trinta e cinco mil, seiscentos e quarenta e oito reais e nove centavos) referentes as sobras do duodécimo de 2022. Vale ressaltar que essa bagatela soma-se a antecipação de R$90.000,00 (noventa mil reais) efetuada em meados do corrente ano, totalizando um repasse final de R$ 625.648,09 (seiscentos e vinte e cinco mil, seiscentos e quarenta e oito reais e nove centavos. No geral a mesa diretora (2022) executou todas as atividades da câmara com apenas cerca de 65% do seu orçamento.  

“Sempre trabalhamos pensando no povo. O povo é o nosso patrão. Cada centavo de economia agora vai servir para o município investir nas instituições, na realização de cirurgias eletivas, na melhoria de estradas, na realização de eventos, no transporte gratuito de pacientes para tratamento em outras cidades, para o fomento do esporte e do turismo e até mesmo para pagar salários de servidores públicos e investir na segurança pública. O sucesso é de todos!” Afirmou Alex Mochila.

Leia Também:  Ano termina com apreensão de mais de cinco toneladas de drogas em operações conjuntas em Minas

Entenda mais sobre o duodécimo

O duodécimo corresponde aos repasses mensais realizados pelo Poder Executivo à Câmara Municipal para realização das despesas aprovadas em seu Orçamento. Esses repasses de valores do Executivo ao Legislativo devem observar a nova redação do art. 168 da Constituição Federal, dada pela Emenda Constitucional 45/2004 e os incisos e parágrafos do art. 29A. Isso porque o texto constitucional passou a consignar a expressão “duodécimos”, conduzindo a uma fração proporcional e constante a ser repassada mensalmente à Câmara Municipal, até o dia 20 de cada mês.

Os vereadores alpinopolenses aprovaram para o exercício de 2022 aproximadamente 1,8 milhões de reais, que representa cerca de 3,5% do orçamento da prefeitura. Mesmo as fivelas apertadas a mesa diretora conseguiu trabalhar de forma honesta, transparente e responsável e pela primeira vez na história a Câmara atuou sensitivamente pensando no bem estar do povo e não atendendo a anseios de grupo político.

“Outro fator determinante dessa legislatura foi a liberdade que os colegas de mesa nos deram para execução dos trabalhos. Nesses dois anos trabalhei com advogados e assessores da minha confiança e não troquei a cadeira de presidente para atender “pedidinhos” de grupo político. Também tive o privilégio de conhecer o trabalho dos servidores e compreender a importância individual de cada um deles, criamos uma família!”. Concluiu Alex Mochila.

Leia Também:  Em Capitólio, Live com artistas acaba em Polícia

Somadas as devoluções de 2021 e 2022 ultrapassam a bagatela de R$1.000.000,00 (hum milhão de reais).

 

A mesa diretora era composta pelos seguintes vereadores;

Da esquerda pra direita/ Quinca do Tião Roberto, joice Santos, Alex Mochila e Maysa do Feijãoziho

 

Presidente – Alex  Mochila (PSDB)

Vice-presidente – Joice Santos (PSD)

1ª  Secretária – Maísa do Feijãozinho (PSD)

2º Secretário – Quinca do Tião Roberto – (PTB)

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ALPINÓPOLIS E REGIÃO

MINAS GERAIS

POLÍCIA

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA